terça-feira, 1 de fevereiro de 2022

Comer vegetais reduz mortalidade e casos graves de covid-19

 


Um novo artigo publicado no European Journal of Clinical Nutrition indica que uma dieta baseada em vegetais ajuda a reduzir o risco de covid-19 grave e mortalidade pela doença.

No artigo, publicado nesta segunda-feira (31), os médicos citam vários estudos que mostram o benefício de uma dieta saudável no combate à covid-19. Um deles mostra que uma dieta baseada em vegetais estava associada a um risco 9% menor de infecção por covid-19 e um risco 41% menor de caso grave.

Um outro estudo apontou que os profissionais da saúde que seguem uma dieta baseada em vegetais que tiveram exposição a pacientes com covid-19 tiveram um risco 73% menor de desenvolver a doença de forma moderada e grave.

Já uma outra pesquisa mostrou que que uma dieta baseada em vegetais ajudou os trabalhadores de hospitais em Washingthon DC, a melhorar a saúde e a qualidade de vida, durante a primeira onda da pandemia.

Além disso, os autores citam o exemplo de Okinawa, no Japão Lá, a dieta é predominantemente baseada em vegetais e rica em batata-doce, vegetais de folhas verdes e produtos de soja. Surpreendentemente, a cidade tem uma mortalidade menor do que Tóquio mesmo as duas cidades tendo tamanhos semelhantes.

* Com informações do Correio Braziliense

Nenhum comentário:

Postar um comentário